5 de janeiro de 2017

Sumário 2016

 Cena de Wolf of Wallstreet

Em 2016 propus-me a ver no mínimo 100 filmes. Achei difícil, visto o tempo escassear-me sempre e sentir-me tentada a ver mais séries... Daí, incluí-as na lista do ano passado. Faço agora o rescaldo e digamos que a preguiça me dominou e o zapping foi o meu melhor amigo. Fica a promessa de um 2017 mais interessante, com cinema português e a lembrar um pouco a apaixonada por cinema francês que já fui!

29 de setembro de 2016

Por Onde Tenho Andado


Tal como o tráfico de droga fez Escobar esconder-se, o meu trabalho tem-me afastado das salas de Cinema e, consequentemente, do blog. Falo do maior narcotraficante da história pois deixei-me agarrar por Narcos, a série do momento. Tudo o que se torna viral, principalmente entre amigos e conhecidos, muito diferentes uns dos outros, cria uma curiosidade à qual não consigo resistir, mesmo que demore a admiti-lo. Depois de ir vendo de soslaio posts, artigos, fotos de Instagram e ir ouvindo, meio desinteressada, resumos dos episódios protagonizados por Wagner Moura, resolvi iniciar a maratona. A segunda season saiu e foi aí que comecei a primeira.

21 de abril de 2016

O Branding de Game of Thrones

Com a eminente chegada da temporada 6, já este domingo, dia 24, torna-se propício partilhar um texto que comecei a escrever há uns meses. O título denuncia-me e basicamente vou falar de duas coisas que adoro, comunicação de marcas e Game of Thrones.


31 de março de 2016

Girls | Temporada 5 Até Aqui



O destaque de Março vai para Girls, a série de que já muito falei mas sempre ao de leve. O que me faz vir monologar acerca da obra de Lena Dunham é esta temporada que vai em 6 episódios e não pára de surpreender! Queixei-me de que os episódios sabiam a pouco e o dia-a-dia de cada uma era pouco explorado. Parece que Dunham leu o meu post e nos trouxe mais sumo em episódios que se ligam e não são tão autónomos como os anteriores.

O fim da season 4 é a maturação das miúdas e especialmente de Hannah, que parece emocionalmente equilibrada num momento difícil, o nascimento da sobrinha de Adam. Tanto ela como Jessa fazem parte do processo difícil do parto de Caroline, que dá o nome de ambas à bebé. Pois bem, parece que a presença de Jessa na vida do ex-namorado da protagonista não ficou por aqui... Se a aproximação de Adam e Jessa nos assustou um pouco para depois nos deixar em paz a acreditar na amizade pura, a quinta temporada deu-nos novamente a volta!

-spoilers -